segunda-feira, julho 15, 2024
HomeDesportoQuem recuperou e quem fica para trás, um jogo mais importante do...

Quem recuperou e quem fica para trás, um jogo mais importante do que o dérbi e o mercado de verão: tudo o que disse Amorim

É com muita alegria que desejamos a você boas vindas ao website, é um site que visa lhe actualizar em tempo real do melhor do Entretrnimento, Informacão, Desporto, Anúncios, Publidades e muito mais so aqui na Moztingoma, fiquem connosco e fique com o melhor da actualidade.

DETALHES DA POSTAGEM

Rúben Amorim fez esta quinta-feira a antevisão ao jogo com o E. Amadora, partida da 27.ª jornada da Liga Betclic agendada para amanhã às 20H30.

Como está a equipa depois da paragem? Jogo com o Estrela na 1ª mão foi difícil… “A equipa está bem, deu para recuperar alguns jogadores, para descansar. Outros jogadores foram para as seleções. Apenas o [Gonçalo] Inácio fez os 90 minutos no último jogo e devido ao período de recuperação e o historial dele, por ter tido uma lesão no isquiotibial, poderá ter de haver uma gestão. O resto está pronto o jogo. Tivemos um percalço com o Seba [Coates], que recuperou; o Marcus [Edwards] fez dois treinos, também o vamos levar. E com o Trincão recuperámos atá ao último minuto a lesão que teve no pé e também o vamos levar. Temos de levar toda a gente, porque sabemos que é um jogo difícil. O Estrela é sempre difícil, tem jogadores rápidos na frente. Tivemos problemas no primeiro jogo. Foi muito pela colocação de alguns jogadores nossos, não vou dizer quem. Olhando para a imagem do jogo, acho que vamos melhorar nesse aspecto. Temos de estar precavidos e ser tão fortes como fomos por exemplo com o Moreirense a parar as transições e em estar muito concentrados. Também há a bola parada, há um jogador especifico no Estrela que se jogar torna a bola parada ainda mais importante. Sabemos o que temos de fazer. É voltar à mentalidade de ‘sabemos que não podemos perder pontos, temos de ganhar, está a acabar’.”

Vêm aí dois dérbis. O Pote já contará nesses jogos? Preocupa-o ter 7 jogadores em risco de suspensão? “Queremos sempre ter o maior número possível de jogadores, não pelos dois dérbis, mas porque são muitos jogadores que podem ficar de fora do próximo jogo. Não sabemos qual será o jogo mais importante do campeonato. Temos de jogar todos os jogos a 100 por cento. A única gestão que vamos fazer é ver quem está melhor para este jogo ou a parte de que já falei do Inácio, o Morten [Hjulmand] fez 45 minutos [na seleção]… Só nesse aspecto é que poderemos alterar alguma coisa. É uma gestão tática e física, como sempre. Quanto à gestão de cartões amarelos, não estamos em condições disso, porque não sabemos qual será o jogo mais importante. O Pote não vai estar para este jogo. Vamos fazer o máximo para que recupere para a próxima semana.”

Fala-se do interesse de estrangeiros em jogadores do Sporting. Que efeito pode ter? “Neste momento nenhum. Está tudo focado no campeonato. Eles sabem que o mercado está fechado e só na próxima época poderá haver mudanças. Não altera nada na mentalidade dos jogadores, estão muito focados no que têm de fazer. Queremos muito todos ganhar títulos. Sabemos da importância dos jogos que vêm aí. Está tudo focado no que temos pela frente e não a pensar na próxima época.”

Como espera contrariar o Estrela? Quenda terá espaço na equipa A? Nos sub-17 de Portugal esteve bem. “O Quenda também foi pedido pela equipa B. Pensava que era para o período todo, mas foi pela equipa B e depois juntou-se à seleção, foi essa a confusão. O Quenda é um miúdo em quem acreditamos muito. Poderá estar junto da equipa principal para o ano. Não fazer as comparações de um jogo de sub-17 de seleções com o nível em que estamos aqui. É muito óbvio que é um dos jogadores que olhamos como um grande projeto. Devagarinho, poderá ser uma das opções para o próximo ano. Os centrais rápidos ou mais lentos, obviamente que as caraterísticas dos adversários contam. Mas também existe a bola parada. Se olharmos ao jogo com o Benfica, jogámos contra uma linha sem avançados, só com jogadores rápidos, e tivemos por exemplo o Seba, que não é o mais rápido. Às vezes tem a ver com a inteligência. O facto de estarmos muitas vezes 3 para 3 é o futuro. Temos de jogar como equipa grande sempre homem para homem cá atrás para fazer pressão alta. Temos de melhorar nos pormenores, quer com ou sem bola. Não fizemos um grande jogo nesse dia, conseguimos vencer, foi justo. Acho que vamos estar melhor neste jogo.”

Dérbi em Alvalade é o xeque-mate? “Não acho. Já vivemos isso no último título. Quando menos se espera, perdemos 6 pontos em 4 jornadas. Tudo pode acontecer. Acho que este jogo com o Estrela ainda é mais importante porque é um preparar para um jogo especial, diferente, pela envolvência que tem. Este é o jogo mais importante, até mais decisivo do que o do Benfica.”

Contas do título? Fresneda? “O Ivan teve muito tempo parado, foram três meses, veio com um problema no ombro. Tentámos tratar de outra forma. Com a adaptação e crescimento do Geny, o Esgaio, são todos da mesma posição, torna difícil. Cada época tem a sua historia. Até ao fim do campeonato todos podem jogar, depende dos treinos, jogos, lesões. Teve uma azar muito grande numa equipa nova. É sempre difícil entrar só com treinos. Faz parte da vida de um jogador. Estamos a falar de uma vantagem de um ponto. Temos um jogo na mão [Famalicão], mas esse não está ganho. Se me perguntarem mais para a frente, se tudo correr bem daqui a umas semanas, poderei responder. Lembro-me que no primeiro ano quando me perguntaram isso tínhamos 8 ou 10 pontos de vantagem. E na altura disse que só nós podíamos perder o campeonato e que na altura seria o único treinador em Portugal a perder com uma vantagem tão grande. Estamos a falar de um ponto, que não é nada, e o outro jogo ainda não foi ganho, que é uma deslocação difícil. Todos podem ganhar ou perder. Quando uma equipa grande perde um campeonato não só o adversário ganha como nós perdemos.”

Vamos entrar em etapa crucial em duas provas. Consegue ainda passar a totalidade da mensagem aos jogadores ou precisa de truques? “Não, era mais difícil por exemplo no ano passado, quando estávamos em 4º lugar. Se sentisse que não conseguia passar a mensagem era sinal que me tinha de afastar como treinador. É nessas fases que é difícil passar a mensagem, fazê-los acreditar no projeto, na ideia. E eles sempre acreditaram. Desta vez não, estamos a 9 jornadas de podermos ser campeões, num clube que não ganha assim tantos títulos seguidos, é um aliciante grande. A mensagem está lá sempre. O mais difícil é os jogadores não pensarem tanto nisso, no que pode ou não acontecer, e pensarem na tarefa. Na qualidade do Leo Jabá, do Ronaldo, dos centrais. O facto de o Miguel Lopes poder jogar a central e depois ir para médio centro. A minha mensagem é: preocupem-se com o jogo, o resto depois aparece. Nesta fase é mais fácil passar a mensagem.”

Hjulmand está em risco, fez os dois jogos na seleção e apenas um treino. Por outro lado tem Bragança em boa forma. Vai gerir o dinamarquês? “Tudo isso tem muita logica, não vos vou dizer aqui, mas tudo isso tem muita lógica para o jogo de amanhã”.

Por esta altura já se começa a preparar o mercado. Como faz essa gestão de preparar o plantel da próxima época mas não ter o próprio futuro definido? “Este ano acho que até é mais fácil, só planeio a próxima época com o dinheiro da Liga dos Campeões. Essa é a mais fácil. O clube é muito maior do que o treinador. Já estamos a fazer o planeamento, a pré-epoca, onde é, que jogadores podem sair e ficar. Está tudo a ser planeado. Temos de esperar um bocadinho mais porque envolve isso da Liga dos Campeões. Esse fator e o vencer títulos tem muita influência. Isto é muito maior do que o treinador.”

 

ad

Se por acaso você for um fã de DESPORTO, fique conectado as redes sociais do artista: Tais como, Facebook, Twitter, Instagram e Tik Tok, para obter as últimas atualizações e a nós, adicionando o nosso site Moztingoma na sua lista de favoritos para se manter actualizado de todas novidades no que concerne aos futuros hits dos seus ídolos favoritos.

 

NB: Se por acaso você encontrar um conteúdo seu no nosso website divulgado sem o seu consentimento entre em contato connosco o mais rápido possível e com provas que o conteúdo é seu para resolvemos o seu assunto. Obrigado pela compreensão.

 

A casos em que o conteúdo provem de sites terceiro o que isso e mesmo provave, não nos responsabilizamos por este tipo caso devido a proveniência do conteúdo.

 

Estamos a sua disposição sempre, o nosso maior objetivo é trazer o melhor do momento.

POSTAGENS RECOMENDADAS

+VISTAS

Muka – Karma

Muka – Dois Em Um